Posted in:

Controladoria: veja o que é, seus tipos e sua função na empresa

Profissionais trabalhando em um tablet

O que faz a área de controladoria dentro de uma empresa?

Esse é um tema de grande interesse não apenas para donos de negócios, mas seus gestores e todos os demais colaboradores.

Você já deve ter ouvido falar sobre esse setor ou, pelo menos, sobre a Controladoria Geral da União (CGU), não é mesmo?

Mas, afinal, por que essa área tem ganhado tanto destaque nos últimos anos?

Segundo o Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT), o principal motivo da falência de 42% das pequenas e micro empresas no Brasil é a falta de planejamento e visão de mercado.

Um estudo do Sebrae também destaca essa como uma das principais causas para o fechamento de empresas.

É exatamente aí, para evitar esse tipo de desfecho, que a controladoria pode atuar.

Esse setor permite que a empresa elabore um planejamento estratégico mais assertivo, tome decisões melhores, tenha processos mais transparentes e elimine excessos.

Então, quer entender melhor sobre a controladoria? Continue a leitura e descubra o que é essa área, seus tipos e função dentro da empresa.

O que é controladoria?

A controladoria é uma área que tem como principal objetivo controlar as operações da empresa – como seu próprio nome já indica.

Tida como um segmento da administração ou da contabilidade, ela permite o repasse de dados e informações mais apuradas e reais para que o gestor tome decisões mais assertivas.

Assim, faz com que a empresa não perca o controle de seu negócio, permite um melhor planejamento não apenas financeiro, mas também estratégico, e ainda ajuda a identificar possíveis falhas e evita fraudes.

Isso porque ela acompanha se as atividades estão ocorrendo conforme o planejado e analisa se há a necessidade de realizar ajustes.

Em resumo: a controladoria é a responsável pelo acompanhamento das ações estabelecidas no planejamento estratégico da empresa.

Com isso, ela garante a melhoria e o bom andamento dos processos e atividades, oferecendo, então, maior segurança para a definição do caminho que deverá ser seguido.

Gestão financeira e controladoria

Como veremos mais à frente no artigo, a controladoria é a responsável pela correta estruturação de toda a gestão financeira da empresa.

Isso porque ela reúne e analisa todos os dados financeiros e contábeis, como a formação do preço de venda, o orçamento empresarial, o fluxo de caixa, a produtividade dos setores, o desempenho dos funcionários, entre outras informações.

Tudo com o objetivo de eliminar excessos, diminuir desperdícios, aumentar a produtividade da empresa e, principalmente, conquistar a lucratividade.

Além, claro, de evitar que ocorram roubos e fraudes – atuando diretamente na estratégia de compliance.

Em uma visão mais global, portanto, é possível destacar que o papel da controladoria é organizar e controlar toda a gestão econômica e administrativa da empresa, buscando alcançar as metas estabelecidas e melhorar os resultados.

Economia empresarial e controladoria

A controladoria atua não apenas na área contábil, mas também na administrativa, de recursos humanos e gestão de riscos.

Isso permite que ela seja a responsável por organizar, avaliar a armazenar todas as informações da empresa, sendo uma assessora e consultora dos gestores no processo de tomada de decisão.

Com as informações reunidas pela controladoria, a gestão da empresa pode definir quais são as melhores ações para o planejamento estratégico, orçamentário e operacional.

Ou seja, ela tem como objetivo auxiliar no crescimento econômico da empresa, apoiando a liderança e apontando a atual situação financeira da organização, dados de mercado e informações sobre os processos internos.

Controladoria e compliance

Ao controlar e analisar todos os processos e atividades da empresa, a controladoria atua diretamente com a estratégia de compliance.

Ela realiza um controle interno rígido, faz a gestão de riscos, avalia a segurança da informação e atua no processo de auditoria interna.

Dessa forma, ela ajuda a identificar possíveis erros, discrepâncias e, até mesmo, fraudes que possam ocorrer dentro da organização.

Origem da controladoria

Controladoria, homem segurando engrenagens na mão
Origem da controladoria

No Brasil, a origem da controladoria é datada na década de 1960, quando o país passava por momentos instáveis na economia e uma abrupta mudança no regime político.

Durante seu mandato, Juscelino Kubitschek abriu as portas do Brasil para que indústrias internacionais pudessem inaugurar fábricas e filiais no País.

Foi quando multinacionais, como a Ford e a Volkswagen, se instalaram por aqui.

Isso fez com que, inicialmente, essas empresas precisassem entender que necessitariam de informações relevantes sobre a sua produção e desenvolvimento econômico, pois iniciar as operações em outro território exige um esforço grande em planejamento e gestão.

Então, ao serem introduzidas a essa realidade, essas grandes organizações perceberam a necessidade de uma área de controladoria.

Mas, um dos principais motivos para o surgimento dela foi a grande competitividade que surgiu no mercado com a chegada de novas companhias.

Essa movimentação fez com que os gestores precisassem de informações e relatórios de desempenho, assim como um controle contábil eficiente.

Os 4 tipos de controladoria

controladoria, Dedo tocando tela touch
Os 4 tipos de controladoria

A controladoria é uma área bastante ampla e que vem se desenvolvendo e ganhando espaço dentro das empresas.

Nesse sentido, existem, atualmente, quatro tipos principais de controladoria.

São eles:

1. Controladoria empresarial

A controladoria empresarial tem como principal objetivo entender e acompanhar todo o trabalho realizado dentro de uma organização.

Ou seja, busca estar próxima não apenas do desenvolvimento das atividades, mas de sua execução, sem que haja perda de continuidade nos processos e etapas dos projetos.

Mas, como ela faz isso?

A atividade consiste no levantamento de informações úteis, no planejamento e organização dos processos, na otimização das etapas, no controle do trabalho realizado e no repasse do andamento dos serviços para os gestores.

Nesse sentido, a controladoria empresarial atua como uma ferramenta gerencial, uma vez que aprimora os esforços das equipes e permite aos profissionais pensar em estratégias diferentes e inovadoras.

2. Controladoria administrativa

A controladoria administrativa possui um papel mais abrangente dentro das organizações.

Isso porque ela tem como função principal preservar o bom funcionamento da empresa e do seu negócio ao administrar a relação entre as áreas da companhia, considerando o orçamento total e os objetivos da empresa.

Ou seja, ela realiza a coleta de informações de cada área para criar um planejamento orçamentário mais concreto e assertivo.

3. Controladoria contábil

A controladoria contábil é a área da controladoria mais ligada às atividades de contabilidade e finanças da empresa e à gestão de pessoas.

Ela se dedica, de forma exclusiva, ao controle financeiro da organização e suas ramificações.

Nesse sentido, o setor possui um papel essencial para a tomada de decisão dentro da companhia, principalmente por coletar todos os dados e informações necessários para que os gestores definam as ações futuras.

Para tanto, os dados reunidos são utilizados pela gerência para avaliar e melhorar não apenas o planejamento orçamentário, mas também para acompanhar todo o desenvolvimento financeiro da empresa.

Toda a atuação da controladoria contábil tem o objetivo de fazer com que a companhia alcance as metas estabelecidas, melhore seus resultados, observe a qualidade de seus processos e, finalmente, os aprimore.

Isso porque uma de suas principais funções é organizar o orçamento empresarial tendo como base o planejamento de cada setor, adaptando os dados obtidos e alinhando essas informações aos objetivos empresariais.

4. Controladoria estratégica

A controladoria estratégica atua como um suporte para a estratégia da empresa, sendo uma fornecedora de informações para os gestores.

É como se ela fosse uma junção dos departamentos de Contabilidade, Administração e Planejamento Estratégico.

Nesse sentido, ela apoia a análise, o planejamento, a implementação e o controle de toda a estratégia da empresa, buscando facilitar a tomada de decisão.

Muito mais do que apenas controlar, ela pensa em ações para desenvolver e dar continuidade às vantagens competitivas da empresa.

Objetivo da controladoria

Toda a metodologia que fundamenta a controladoria é baseada no processo de controle por meio de padrões de qualidade previamente estabelecidos e focados no planejamento e orçamento já definidos pela empresa.

Nesse sentido, podemos dizer que o objetivo da área é contribuir para o processo organizacional como um todo, permitindo que a empresa se mantenha em equilíbrio e se desenvolva.

Para tanto, ela define quais serão os padrões de controle e projeta os resultados esperados, tendo como foco os objetivos estratégicos, sem que haja excesso ou desperdício.

Como já mencionamos, a controladoria é uma área estratégica que tem como principal missão permitir aos gestores analisar os fatos e os dados empresariais para aprimorar a tomada de decisão para o andamento e a manutenção do negócio.

Tudo isso levando em conta as necessidades não só dos clientes, mas também de fornecedores, gestores, sócios e da empresa como um todo.

Importância da Controladoria nas empresas

mão, de um homem, segurando cubos de madeira
Importância da Controladoria nas empresas

Neste ponto do artigo, você já deve ter entendido melhor qual é o papel e o objetivo da controladoria dentro de uma empresa.

Mas, para te ajudar a entender melhor qual a importância desse setor dentro das organizações vamos pensar na seguinte situação:

Sua empresa já está estabelecida no mercado, mas chegou o momento de expandir a atuação.

É nessa hora que você pensa em investir em um novo segmento ou então em comprar ou aplicar em outra companhia.

Dessa forma, é essencial que você conte com o apoio da controladoria. Mas, por quê?

Este setor irá reunir todos os dados da sua empresa de uma maneira que seja de fácil entendimento para sócios e investidores.

Ou seja, essa documentação possibilitará que você saiba se é, de fato, a ocasião ideal para investir ou expandir a atuação.

Por meio desse levantamento, você terá em mãos informações sobre o segmento – se ele está aquecido ou não -, a real situação financeira e contábil da sua empresa, dados da concorrência, entre outros.

Porém, a importância da controladoria vai além disso.

Com o aumento da competitividade, o desenvolvimento tecnológico e a maior exigência dos consumidores, as empresas precisam encontrar formas de se destacar no mercado.

Então, criar um planejamento estratégico que seja robusto e atenda às novas necessidades de seus stakeholders (públicos de relacionamento) tornou-se essencial.

E a controladoria é peça-chave para que isso aconteça.

Uma vez que ela ajuda a otimizar a tomada de decisão, aumenta a transparência do negócio e fornece informações concretas e eficazes, ela torna-se indispensável para o desenvolvimento de um bom planejamento estratégico.

Além disso, a controladoria ainda integra todas as áreas da empresa ao agrupar as informações internas de cada setor e as externas (dados de mercado, concorrência, situação econômica e política do país).

E, com tudo isso em mãos, ela cria os relatórios gerenciais e financeiros que são os documentos utilizados pela gestão para ter um panorama atual da empresa e poder definir os próximos passos.

Em resumo: a controladoria permite à gestão entender a situação atual da empresa, saber onde ela pode chegar e o que deve ser feito para alcançar os objetivos.

Funções da Controladoria

Ao longo do artigo, você já conheceu algumas das funções da controladoria, não é mesmo?

Mas, agora, é momento de destrinchar as principais atividades realizadas por este setor.

Confira!

Apoio no planejamento estratégico

O planejamento estratégico é um documento que tem como objetivo principal organizar as ações e etapas de longo prazo que deverão ser realizadas pela empresa para alcançar suas metas e objetivos.

Para tanto, ele considera fatores internos e externos.

Nesse sentido, a controladoria tem o papel de fornecer as informações de cada área da empresa, além de dados da organização como um todo.

Tudo com o objetivo principal de auxiliar os gestores na tomada de decisão no momento de definir e elaborar o planejamento estratégico da companhia.

Ajuda no planejamento operacional

Já o planejamento operacional de uma empresa é aquele que se dedica à execução do que foi definido anteriormente no planejamento estratégico.

É neste momento que é elaborado o planejamento orçamentário da empresa para que ela consiga cumprir todas as decisões estratégicas definidas.

E é exatamente nisso que a controladoria atua.

Ela é a responsável por detalhar toda a operação, identificar a expectativa de receitas e despesas, qual o faturamento esperado, entre outros fatores.

Tudo isso levando em conta o que cada área da empresa necessita para alcançar os objetivos e as metas estabelecidas no planejamento.

Realiza o controle organizacional

A controladoria tem a função de acompanhar e controlar a execução do planejamento estratégico e operacional dentro da empresa.

É ela quem administra e cria os padrões para a análise e o acompanhamento das ações que foram e estão sendo tomadas, assim como a sua eficácia.

Além disso, ela analisa se os resultados estão de acordo com o planejado e verifica se tudo está ocorrendo dentro do esperado – tendo como base o planejamento e as metas empresariais.

Efetua o controle de custos e contábil

É por meio do controle contábil e de custos da empresa que a controladoria reúne as informações necessárias para criar os relatórios que darão auxílio aos gestores na tomada de decisão.

Essa área é a responsável por coletar dados contábeis do negócio e registrá-las, mapear todos os custos da empresa e assegurar o seu controle por setor para que possa acompanhar e identificar eventuais desalinhamentos e desencontros com o que é esperado.

Além disso, ela define os parâmetros de controle de qualidade e monitoramento dos dados financeiros e contábeis, acompanha as atividades e identifica desvios, simula cenários e otimiza os processos internos.

Profissional de controladoria

Homem trocando cartões com uma mulher
Profissional de controladoria

O profissional que atua com controladoria, normalmente, é formado em Administração, Economia ou Ciências Contábeis.

Mas, pode ser que ele venha de outras áreas e tenha se especializado no segmento.

É alguém que deve sempre buscar novos conhecimentos, principalmente por ser uma pessoa que assume um papel estratégico dentro da organização.

O profissional mais conhecido é o controller.

Esta pessoa é a responsável pela área de contabilidade da empresa, sendo o gestor do departamento.

Ou seja, é quem conduz a elaboração e validação de todos os planejamentos e orçamentos da organização.

É o profissional que assume a responsabilidade pelo controle orçamentário, planejamento contábil e financeiro, análise e estruturação de dados e informações que serão repassados para os gestores tomarem as melhores decisões para o negócio.

Por isso, o controller atua muito próximo à diretoria e aos gestores das demais áreas, principalmente no que diz respeito à troca de informações e coleta de dados.

Mas, o setor não é composto somente por ele.

Existem os profissionais que possuem funções mais operacionais, como é o caso do analista de controladoria.

Assim como o controller, ele também possui funções estratégicas, uma vez que é o responsável por atividades de negociação e financiamento e outras que permitem elaborar de forma mais assertiva o plano de ações e processos da empresa.

Este profissional também participa da elaboração do orçamento anual, realiza a coleta de informações, desenvolve projeções financeiras e outras funções que são essenciais para garantir os resultados da organização.

Mas, mais do que apenas conhecimento sobre a área e o setor, o profissional de controladoria precisa de competências comportamentais, como:

  • Bom relacionamento interpessoal
  • Excelente comunicação
  • Capacidade analítica
  • Entendimento de mercado
  • Pensamento sistêmico
  • Visão estratégica.

Isso porque as atividades do setor dependem do contato e, principalmente, do apoio de outros setores.

Pós-graduação em controladoria

O curso de pós-graduação em controladoria da UPIS – Faculdades Integradas tem o objetivo de capacitar o profissional para analisar e gerenciar os recursos financeiros e contábeis de uma empresa.

Ele busca formar pessoas que conseguirão avaliar o fluxo de recursos da organização, fazer projeções, analisar dados e informações, criar documentos que serão essenciais para a tomada de decisão dentro da organização, entre outros.

Mas, mais do que isso, a pós-graduação em controladoria é um curso que busca desenvolver habilidades não apenas técnicas, mas também pessoais, como gestão de pessoas e liderança.

Para tanto, em sua grade curricular, ele traz disciplinas das áreas financeira e controladoria, do marketing, da economia e de recursos humanos.

Conclusão

Que a controladoria possui um papel fundamental dentro das empresas, isso você já percebeu, não é mesmo?

Ele é o setor que detém todas as informações gerenciais, financeiras e contábeis da organização, sendo essencial para auxiliar na tomada de decisão dos gestores.

Além de controlar, planejar, organizar e analisar todos os processos, atividades, riscos e custos da empresa, a controladoria ajuda a tornar as operações mais seguras e a manter o equilíbrio empresarial.

Neste artigo você também conheceu os quatro tipos principais de controladoria existentes: a empresarial, a contábil, a administrativa e a estratégica.

Vimos ainda qual a sua importância dentro de uma organização e suas principais funções e atividades.

E, finalmente, conhecemos quem é o profissional da controladoria, suas principais características e conhecimentos, além do curso de pós-graduação na área.

Mais do que otimizar resultados e ajuda no bom desempenho das áreas, a controladoria ajuda a garantir que a empresa está no caminho certo para atingir seus objetivos e metas.

Então, se você tem interesse na área, conheça o curso de pós-graduação em Controladoria e Contabilidade da UPIS.

E, se gostou do conteúdo, não se esqueça de compartilhá-lo em suas redes sociais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *